8 dicas para cuidar dos cabelos durante o verão

8 dicas para cuidar dos cabelos durante o verão

Dra. Andrea Frange – Clínica Luciana Garbelini

 

É só chegar o verão que, automaticamente, a gente já pensa em sol, mar, piscina e muito bronze, certo? Mas é preciso tomar alguns cuidados básicos para que os cabelos não fiquem ressecados e quebradiços, já que todos esses elementos colaboram para que os fios percam a força rapidamente.

Essas agressões cotidianas causam uma degradação da saúde da fibra capilar, ainda mais se os seus cabelos frequentemente passam por procedimentos químicos, como tintura, clareamento ou progressiva, o que os torna frágeis em qualquer situação.

A boa notícia é que, se você não mantiver uma rotina de cuidados com os cabelos, eles vão continuar macios e brilhosos nesta e nas próximas estações. Para te ajudar na missão, revelamos 8 dicas simples de cuidados com os cabelos no verão que fazem toda a diferença!

 

1. Cuidados ao entrar na piscina ou mar

Saturar os fios com água doce antes de entrar no mar ou na piscina e aplicar cremes hidratantes sem enxágue, ajudam a minimizar os danos do sal e do cloro, além de manter os fios para cima, presos em coques altos, para evitar o contato contínuo com a água enquanto se banha.

“Assim que sair do mar ou da piscina é importante lavar os fios novamente com água doce, caso não tenha acesso fácil, a água de côco é uma boa opção, e reaplicar o creme hidratante idealmente que contenha filtro de proteção solar”, orienta a Dra. Andrea Frange, dermatologista da Clínica Luciana Garbelini.

 

2. Evite banhos muito quentes

“A água muito quente do chuveiro, além de danificar a haste dos fios, piora a oleosidade do couro cabeludo. O ideal seria utilizar a água morna durante a lavagem e, se possível, aplicar o último enxágue com a água mais fria, isso ajuda a aumentar o brilho”, explica a especialista.

Na hora de secar os fios, tente não passar a toalha com muita força, porque o tecido pode deixar os fios quebradiços. Se puder, opte por um papel toalha, que consegue tirar o excesso de água e evita que os fios criem frizz. O papel também ajuda a dar mais definição para quem tem cabelos cacheados ou ondulados. E, para finalizar, prefira pentes de madeira, que desembaraçam o cabelo mais rápido e não quebra as fibras capilares.

 

3. Faça hidratação com mais frequência

Como o sol costuma deixar os cabelos mais frágeis e eles perdem queratina, fazer uma hidratação periódica é essencial para manter os cabelos saudáveis, fortes e resistentes. O ideal é fazer uma hidratação nos fios a cada 15 ou 30 dias, mas no verão esse número pode aumentar para que os fiquem protegidos e deve ser feita uma vez por semana. A hidratação nos fios pode ser feita tanto com máscaras, como com ampolas, que são feitas para deixar os fios mais macios e sem pontas duplas.

 

4. Proteja-se das agressões diárias aos fios

A lavagem correta para remover as partículas de poeira, poluição, células mortas e sebo é fundamental. Além de selecionar o shampoo específico para o seu tipo de cabelo, a massagem do couro cabeludo com a ponta dos dedos em movimentos circulares para espalhar o produto de forma homogênea ajuda a tornar essa limpeza mais efetiva. Enxaguar bem os fios, para evitar o depósito de resíduos de produto também é importante.

“Com relação à exposição solar, estudos mostram que a radiação UVA, UVB e luz visível causam alterações na cor e perda proteica da fibra capilar, portanto, a aplicação de produtos finalizadores que contenham filtro solar na sua composição, assim como, o uso de bonés e chapéus também ajuda a protegê-los”, orienta a dermatologista.

 

5. Cuidados para cabelos oleosos

Para quem tem o couro cabeludo oleoso, o uso de shampoos mais adstringentes para uma limpeza profunda, 1 ou 2 vezes por semana e a aplicação de condicionadores mais fluidos, aplicado apenas no comprimento dos fios (da altura da orelha em direção às pontas), seria o ideal.

Optar pelos finalizadores corretos também é importante, em geral os séruns e aquosos são preferidos por não prejudicarem o volume natural e não aumentarem a oleosidade.

 

6. Cuidados para cabelos cacheados e crespos

Cabelos cacheados e crespos são mais secos devido ao seu formato em espiral e apresentam maior dificuldade para que os óleos naturais produzidos na raiz lubrifiquem os fios e atinjam as pontas. Uma dica seria optar por shampoos de limpeza mais suave ou sem sulfato e, ao entrar no banho, molhar o cabelo e aplicar o condicionador nas pontas, antes de massagear o shampoo no couro cabeludo, isso ajuda a proteger os fios durante o enxágue. Além disso, ciclos de hidratação e nutrição com máscaras específicas devem ser feitas com mais frequência.

 

7. Fios mais claros e loiros

Os fios danificados pelo processo da descoloração perdem proteína e consequentemente densidade, tornando-se mais fracos e quebradiços. A reposição de queratina, principal proteína do fio, é fundamental, mas deve ser realizada com cautela, pois quando em excesso, torna os fios rígidos e sem maleabilidade. A hidratação, objetivando a reposição de água, bem como a nutrição, para a reposição de óleos também são igualmente importantes para intensificar o brilho, a maciez e a redução do frizz.

 

8. Elástico pode danificar os fios

Prender os fios, não só para aliviar o calor, mas também para reduzir o contato com o suor que prejudica a haste é interessante, porém alguns cuidados devem ser tomados, como por exemplo evitar a tração excessiva dos fios em rabos de cavalo excessivamente apertados, pois esse hábito pode ocasionar a perda permanente desses fios tracionados, condição conhecida como alopecia de tração.

 

Versão oringinal no site da Marie Claire